(41) 3267-7890 | [email protected]
close

História

Histórico do Sindepar

 

Até 1984 a categoria era representada pela Associação das Auto Escolas e Despachantes do Estado do Paraná, quando foi criado o Sindicato dos Despachantes do Estado do Paraná – Sindepar: entidade de 1º grau, represente da categoria econômica despachantes (exceto aduaneiros), integrantes do grupo de agentes econômicos do comércio do plano da Confederação do Nacional do Comércio, na base territorial do Estado do Paraná.

 

De lá pra cá o sindicato já passou pelas seguintes gestões:
– Nivaldo Wengrzynovski (1984/1987)
– Eli Carlos Lenz Rodrigues (1987/1990)
– Antonio Wengrzynovski (1990/1992)
– Walter Augusto Domingues (1992/1996)
– Ruth Glovaski de Freitas (1996/2000)
– Renê Rodrigues Pereira (2000/2007)
– Everton Calamucci (2007/atual)


História dos despachantes

Os primeiros despachantes de trânsito no Brasil surgiram na década de 30, com o aumento do número de automóveis circulando pelas ruas. Os primeiros profissionais trabalhavam de maneira informal e cuidavam da documentação dos veículos.

 

No Paraná a profissão foi regulamentada em 1951, com a Lei 732, no governo de Bento Munhoz da Rocha Neto, a qual era chamada de “Despachante Oficial da Chefatura (atual Detran) de Polícia do Estado do Paraná”. Neste primeiro ato foram criados 10 cargos.

 
Após muitos decretos que alteravam a lei anterior, em 1998, no governo de Jaime Lerner, a nova lei 12.327 passou a valer para a atividade. Em 2006 foi substituída pela lei 15.060, no governo de Roberto Requião.

 
Atualmente, a lei em vigor 17.682, assinada pelo governador Beto Richa em 2013, rege a atividade de despachante no Paraná e representa grandes avanços para a categoria.