(41) 3267-7890 | [email protected]
close
DESPACHANTES DE TODO O PARANÁ REALIZAM PROTESTO
Novas

DESPACHANTES DE TODO O PARANÁ REALIZAM PROTESTO

Hoje (11), despachantes de todo o Paraná fecharam as portas de seus escritórios para protestar contra a terceirização das vistorias (atualmente feitas por despachantes e funcionários do Detran) e, também, contra a implantação da Placa Mercosul.

Na semana passada, o Detran-PR publicou uma portaria (70/2018) que visa o credenciamento de empresas terceirizadas para a realização das vistorias veiculares, que hoje são feitas pelos funcionários do Detran e pelos despachantes. Além do aumento dos preços pagos pelos proprietários de veículos, o que causa estranhamento é a velocidade com que o Detran-PR quer colocar em prática a terceirização, provavelmente antes da troca de governo. Apesar de o diretor-geral da autarquia, Marcello Panizzi, dizer estar seguindo as normas do Contran/Denatran (resolução 466/2013), é sabido que tal regulamentação está sobre júdice e é questionada sua ilegalidade.

Além disso, está sendo discutida hoje em Brasília, em uma audiência pública que conta com a presença do presidente do Sindepar e da Fenadesp, Everton Calamucci, a implantação da Placa Mercosul. A placa já foi implementada no Rio de Janeiro, mas apresenta vários indícios de interesses obscuros, como também pode gerar prejuízos na arrecadação de impostos e pesar no bolso dos proprietários de veículos.

Para evitar danos à à sociedade, os despachantes pararam suas atividades no dia de hoje e foram às sedes do Detran-PR para mostrar à população os riscos que estamos correndo.

O movimento recebeu apoio dos funcionários do Detran-PR, que estão preocupados com a terceirização das vistorias, o que significa praticamente e privatização do órgão; e de outras entidades ligadas ao setor de automóveis.

“Estamos fazendo nossa parte em frente às Ciretrans. Vamos fazer barulho até chegar no Palácio Iguaçu e alertar a população sobre os abusos que estão ocorrendo neste fim de governo”, disse Edson Manarim, delegado do Sindepar da região de Foz do Iguaçu.

“O Detran-PR decidiu privatizar o melhor sistema de vistorias do país e quem perde é o cidadão”, lamentou Felipe Brugg, delegado da região de Guarapuava.

Confira abaixo algumas fotos do dia de hoje.