(41) 3267-7890 | [email protected]
close
SINDEPAR RECOMENDA NÃO REATIVAR MAIS UM POSTO
Novas

SINDEPAR RECOMENDA NÃO REATIVAR MAIS UM POSTO

Na última sexta-feira (12), o presidente do Sindepar, Everton Calamucci, recepcionou os delegados do Sindepar, para conversar sobre os postos de atendimento do Detran-PR nos pequenos municípios e a concorrência com os despachantes credenciados.

Recentemente, a prefeitura de Pinhão – que pertence à região da Delegacia do Sindepar de Guarapuava – fechou o posto do Detran da cidade e informou à população que em breve reabrirá a unidade de atendimento.

Na cidade já atuam dois despachantes, os quais atendem suficientemente a demanda da população. Em vista disto, buscando preservar os serviços dos profissionais locais, foi elaborado um documento, no qual o Sindepar argumenta contra a reativação deste posto de atendimento. Tal documento será entregue ao Prefeito Municipal de Pinhão, buscando apresentar as desvantagens da reabertura de um posto.

“Entendemos que a reabertura de um posto do Detran não é prioridade em Pinhão, pois só prejudicaria os dois despachantes que atuam lá, além de onerar o município”, afirmou o presidente do Sindepar.

Felipe Brugg, delegado do Sindicato da região, defende que estamos vivendo uma grave crise fiscal no Brasil e, neste momento, é recomendável que todas as esferas de governo, incluindo os municípios, concentrem seus investimentos nas áreas prioritárias, como segurança, saúde e educação. “Serviços de documentação de veículo não são uma prioridade e, na prática, um posto atua como um despachante, com a diferença de ser subsidiado pelos cofres municipais. A cidade de Pinhão conta com dois profissionais habilitados, que além de atender a demanda, ainda contribuem para a economia pagando impostos e gerando empregos”, declarou o delegado.

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn